Energia

Petróleo e Gás Natural: Um Estudo em Contrastes

Preços de petróleo entraram em colapso desde o meio de outubro, caindo de $77,00 para $58,00 (Gráfico 1). Diversos fatores tem contribuído para essa queda histórica de preços. Estoques de petróleo bruto norte-americano tem aumentado ao longo das ultimas sete semanas (Gráfico 2, linha preta). A OPEC e a Rússia tem aumentado sua produção de petróleo bruto e parecem indispostos a reduzir produção até 2019. As sanções iranianas não tem reduzido a oferta mundial sendo que isenções para a exportação tem sido admitida para vários dos principais consumidores deles, como por exemplo a China, Índia e Japão. A amplitude de oferta, juntamente como fatores como redução da demanda global e dólar forte tem contribuído para a queda no preço do petróleo bruto. Sugerimos considerar uma posição vendida nos contratos de petróleo bruto, ou spreads de calendário, como também no crack de gasolina.

Gráfico 1

Gráfico 2

Em contraste com o petróleo bruto, os preços do gás natural na última semana aumentaram drasticamente de $3,50 para mais do que $4,00 (Gráfico 3).

Gráfico 3

Redução de inventários e um clima mais frio do que sazonalmente esperado são fatores determinantes que vem contribuindo para o salto dramático nos preços. Armazenagem de gás natural no fim da temporada de injeção está em um nível de 3.200 bcf, sendo assim o nível mais baixo doos últimos 12 anos (Gráfico 3, linha preta).

Gráfico 4

Um modelo de computador da Fundamental Analytics que faz previsões de armazenamento para as sete semanas restantes do ano (Gráfico 3, linha azul pontilhada) projeta que a armazenagem permanecerá em níveis recordes de baixa. Caso o inverno seja mais frio que o normal, não seria inesperado que os preços atinjam o nível de $5 ou $6.

Sugerimos considerar uma posição comprada de gás natural nos spreads de calendários, ou diretamente nos contratos.

Grãos

O relatório WASDE da USDA de novembro foi lançado na quinta-feira passada. Em relação ao milho, o relatório de novembro apresentou a produtividade de 178,9 bu por acre, enquanto a expectativa média para esse relatório era de 180,0 bushels por acre. A produção relatada na edição de novembro era de 14,63 enquanto o esperado era de 14,72 bushels (Gráfico 6, 2018). Estoques finais de milho no relatório de novembro constaram o valor de 1, 736 bilhões de bushels (Gráfico 7, 2018) já a estimativa média era de 1,77 bilhões de bushels. Todos os números relatados foram aquém das expectativas, o que tipicamente traz sustentação de preços.

Os preços do milho vêm recuperando desde suas baixas em meados de setembro, mas permanece balizados com teto e piso. Não podemos recomendar uma posição comprada para o milho, mas, vemos potencial de melhoria no preço caso o milho romper seu teto de $3,80.

Corn prices have recovered from the lows in mid-September, but remain range bound. We cannot recommend consideration of a long position at this time but believe there is upside potential if prices break out of the current trading range and trade above $3.80.

Gráfico 5

Gráfico 6

Gráfico 7

O relatório de novembro da WASDE relatou produtividade da soja em 52,1 bushels por acre (Gráfico 8, 2018). A estimativa média para o relatório era de 52,9 bushels por acre. A produção de soja foi relatada em 4,60 milhões de bushels (Gráfico 9, 2018). A estimativa média para a produção era de 4,68 milhões de bushels. Estoques finais foram relatados em 955 milhões bushesl (Gráfico 10, 2018) enquanto a estimativa mediana era de 898 milhões de bushels. A grande aumento de estoques finais foi uma surpresa e o mercado reagiu em queda com a notícia.

Os dados sinalizam queda no preço da soja, especialmente os inventários finais. O preço da soja tem recuperado de suas baixas em setembro, mas não cremos que preços altos podem ser sustentados. Como mencionado anteriormente, as tarifas chinesas tem causado exportações para a China a cair de mais do que 30 toneladas métricas por semana em Julho e Agosto para 1,2 toneladas métricas por semana em setembro e outubro; soja armazenada nos EUA está aumentando. Consequentemente, recomendamos considerar uma posição vendida nos contratos futuros ou spreads.

Gráfico 8

Gráfico 9

Gráfico 10

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *